JNO - Jornal de Nova Odessa - page 4

TERÇA-FEIRA, 17 DE DEZEMBRO DE 2019
PÁG. 4
CIDADE
COLUNA SAÚDE ACONTECE
Perguntas e sugestões podem ser enviadas para
ou para a Avenida Pompeia, 634, conj. 401 - São Paulo, SP - CEP 05022-000
APOIO
Cuidado com os excessos,
seu coração agradecerá
Normalmente, festas de fim de ano são sinônimos de
comilança. Além disso, Natal e Ano Novo são períodos
mais sentimentais e marcados pelas reuniões em famí-
lia. Entretanto, um estudo publicado em 2018 pelo British
Medical Journal, aponta que o risco de acidentes cardíacos
cresce durante as festas de fim de ano.
Segundo os dados divulgados, a maior incidência acon-
tece na noite de 24 de dezembro, apresentando uma alta
de 37% em relação ao resto do ano. A noite do réveillon vem
logo em seguida, com aumento de 20%.
Dr. Alexandre Quadros é diretor científico da Sociedade
Brasileira deHemodinâmica e Cardiologia Intervencionista
(SBHCI) e coordenador do curso de pós-graduação em
cardiologia no Instituto de Cardiologia do Rio Grande do
Sul. De acordo com ele, o expressivo número de casos é
reflexo de diversos fatores.
“Em primeiro lugar, existe a questão emocional. Sabemos
que são datas que mexem emocionalmente com questões
familiares, como a morte de um parente querido, por exem-
plo. Além disso, o excesso na alimentação e no consumo de
bebidas alcoólicas também são aspectos favoráveis ao apa-
recimento de problemas cardíacos”, comenta.
Pessoas com histórico de infarto, diabetes ou pressão alta
estão igualmente incluídas dentro dos fatores de riscos e
merecem uma atenção ainda maior. “Nesses casos, é im-
portante que não só os pacientes, mas também os familia-
res, fiquem atentos a qualquer sinal”.
São vários os problemas cardíacos que afetam os brasi-
leiros. O principal deles é o infarto, relacionado a todos os
aspectos citados: hipertensão, fumo, diabetes, colesterol
alto, histórico e idade. Por essas e outras razões é impor-
tante estar atento aos sintomas, como a dor no peito. O
incômodo pode correr ainda para o pescoço ou braço es-
querdo. Na identificação de qualquer sinal, recomenda-se
a procura por um pronto-socorro.
Outras situações como arritmias e crise hipertensiva, por
conta do excesso de sal na alimentação, também podem
aparecer com mais frequência nessa época do ano. Dr.
Alexandre alerta que “pessoas com insuficiência cardíaca,
em casos de retenção de líquido devido ao exagero, po-
dem desenvolver líquido no pulmão e ter um quadro de
edema agudo pulmonar”.
A prevenção para eventuais problemas cardíacos é a mo-
deração. Evitar excessos na alimentação e bebidas durante
as festas de fim de ano é conduta fundamental para man-
ter o coração saudável. “As pessoas mais propensas e com
histórico familiar devem estar sempre alertas, medicando-
-se de maneira adequada”, acrescenta Dr. Alexandre.
ABN no Workplace
A Academia Brasileira de Neurologia (ABN) tem uma nova
plataforma de comunicação. O Workplace é um aplicativo
desenvolvido especialmente para empresas que visam ter
uma maior interação com seus usuários. Dessa forma, os as-
sociados poderão usá-lo para compartilhar ideias e estarem
atualizados sobre notícias e eventos da ABN. Para participar,
basta se cadastrar no aplicativo seguindo três etapas sim-
ples. Saiba mais em
Campanha 2020 de combate
a ratos e baratas começa dia
6 de janeiro emNova Odessa
» DEDETIZAÇÃO
Da Redação
A Prefeitura de Nova
Odessa inicia no próximo
dia 6 de janeiro a campa-
nha 2020 de dedetização
contra ratos e baratas no
município. A primeira eta-
pa da ação se estenderá até
7 de março e vai atingir
todas as regiões. O trabalho
será executado pela Com-
batec Controle de Pragas
e Higienização, empresa
contratada pela Coden,
que é responsável pelos
serviços de água, esgoto
e manejo de resíduos na
cidade.
Capuava, Alvorada,
Santa Rita I, condomínios
Firenze e Nápoles, Jequi-
tibás, Santa Rita II, Monte
das Oliveiras, Residencial
das Árvores (Ipê Branco,
Ipê Amarelo e Ipê Roxo)
e Jardim dos Ipês serão os
primeiros bairros visitados
pela equipe de dedetiza-
ção. Nesses locais, a aplica-
ção do veneno correrá até
do dia 20 de janeiro (veja o
cronograma abaixo).
A veterinária Paula Fa-
ciulli, coordenadora do
Setor de Zoonoses e do
programa de controle de
pragas urbanas do mu-
nicípio, explica que, na
primeira fase da campa-
nha, os trabalhos serão
concentrados no combate
a baratas. O trabalho de
desbaratização é realizado
nas tubulações de esgoto,
por meio de poços de visi-
ta, bueiros e bocas de lobo.
A coordenadora chama
a atenção para medidas
que devem ser adotadas
pelos moradores durante
a desbaratização. “Quando
o veneno é lançado na rede
de esgoto, baratas e outros
insetos tentam fugir, em
busca de outro local para
sobrevivência. Por isso, é
fundamental que todos os
ralos da casa fiquem fecha-
dos durante o processo”,
explicou a veterinária.
Segundo a coordena-
dora, o combate aos ratos
será realizado logo após o
encerramento do crono-
grama de desbaratização e
seguirá amesma sequência
de bairros. A campanha de
controle de pragas urbanas
é realizada duas vezes por
ano no município.
A chefe do Setor de Zoo-
noses afirma que a popula-
ção pode ajudar no com-
bate às pragas mantendo a
casa limpa e não deixando
louças com restos de comi-
da na pia.
O secretário de Saúde,
Vanderlei Cocato, chama a
atenção para a importância
da dedetização. “O comba-
te a ratos, baratas e outras
pragas urbanas é um dos
pilares para garantia de
saúde à população. As ba-
ratas atraem os escorpiões,
que podem se tornar gran-
des ameaças no ambiente
doméstico, principalmente
para as crianças. Os ratos
são transmissores de do-
enças graves, alémde dani-
ficarem roupas e móveis”,
disse Cocato.
Segundo a OMS (Orga-
nização Mundial de Saú-
de), o rato pode transmitir
mais de 200 doenças. A
leptospirose, as hantaviro-
ses e a peste estão entre as
mais comuns.
PROGRAMAÇÃO:
6 a 20/1 - Capuava, Al-
vorada, Santa Rita I, condo-
mínios Firenze e Nápoles,
Jequitibás, Santa Rita II,
Monte das Oliveiras, Re-
sidencial das Árvores (Ipê
Branco, Ipê Amarelo e Ipê
Roxo) e Jardim dos Ipês.
20 a 27/1 - Palmeiras,
São Manoel, Altos do Kla-
vin, Parque Residencial
Klavin e 23 de Maio.
27/1 a 5/2 - Maria Rapo-
seiro Azenha, Éden, Cam-
pos Verdes, Vila Nova, Lo-
pes Iglesias, Green Village,
Letônia e JardimConceição.
5 s 12/2 - Campo Belo,
condomínios Hípica, Pri-
mavera e Imigrantes, Maria
Helena, Bela Vista, Santa
Rosa, Europa e Centro.
12 a 21/2 - Condomínio
Cerejeiras, Marajoara, No-
vos Horizontes, Mathilde
Berzin, Planalto, Parque
Fabrício, Distrito Industrial
e Jardim Eneides.
21/2 a 7/3 - São Francis-
co, Residencial Fibra, Santa
Luiza I e II, Nossa Senhora
de Fátima, Triunfo, São
Jorge, Flórida, Vila Azenha
e Fadel
Divulgação / JNO
Da Redação
Engenheiros da Coden
(Companhia de Desenvol-
vimento de Nova Odessa),
da Secretaria de Obras, Pro-
jetos e Planejamento Urba-
no do município, do DAEE
(Departamento de águas e
Energia Elétrica do Estado
de São Paulo) e da empresa
contratada para limpeza e
desassoreamento da lagoa
do Bosque Manoel Jorge, no
Jardim Santa Rosa, se reu-
niram na terça-feira, dia 10,
emNovaOdessa,paraacertar
detalhes técnicos da obra.
A intervenção, que prevê
a remoção de 12 mil metros
cúbicos de sedimentos de-
positados no fundo da lagoa,
será realizada pela empresa
ETC Empreendimentos e
Tecnologia em Construções
Ltda., da capital paulista,
vencedorada licitaçãoaberta
pelo órgão estadual.
O trabalho será realizado
emparceria coma Prefeitura
deNovaOdessa,que jáobteve
a licença ambiental, dispo-
nibilizou a área de bota-fora
domaterial que será retirado
e fará as intervenções neces-
sárias para recuperação do
sistema de drenagem local.
Emseguida,oDepartamento
de Águas e Energia Elétrica
executaráosserviçosnalagoa
do Parque Ecológico Isidoro
Bordon, que está em fase de
licenciamento ambiental. “A
licitação já foi concluída, o
contrato com a ETC, assina-
do e só estamos aguardando
análise técnica por parte do
DAEE e da empresa para
definição domelhor período
paracomeçaraobra,queserá
realizada num prazo de dois
meses e meio a quatro me-
ses”, explicou o diretor-pre-
sidente da Coden, Ricardo
Ongaro.
Tambémparticiparamdo
encontro o diretor técnico
da companhia municipal de
saneamento, Eric Padela; o
diretordeObrasdaPrefeitura
deNovaOdessa, ErikOrtola-
no; o engenheiro Alessandro
Verroni, da Diretoria de En-
genharia e Obras do DAEE;
e o diretor técnico da ETC
Empreendimentos e Tecno-
logia emConstruções, Roger
Maciel Soares. Odesassorea-
mento das lagoas do Bosque
Manoel Jorge e do Parque
Isidoro Bordon são resulta-
dos de uma série de pedidos
feitospeloprefeitoBenjamim
Bill Vieira de Souza a órgãos
estaduais como a Secretaria
Estadual de Infraestrutura e
Meio Ambiente e o DAEE.
» FUNDO DA LAGOA
DAEE contrata empresa para desassoreamento
da represa do Bosque Manoel Jorge
Capuava, Alvorada, Santa Rita I, condomínios Firenze e Nápoles, Jequiti-
bás, Santa Rita II, Monte das Oliveiras, Residencial das Árvores e Jardim
dos Ipês serão os primeiros bairros visitados pela equipe de dedetização.
1,2,3 5,6
Powered by FlippingBook